CINEMA: EXTERMINADOR DO FUTURO: GÊNESIS

AEAE!

Juro que estou tentando me dedicar mais ao blog esses tempos, mas a correria sempre me impede. Mas deixando o mimimi de lado, resolvi vir falar um pouco de cinema! Aproveitar que estamos no mês das férias e que, mesmo se você não está mais no ensino médio, é um mês que dá aquela vontadinha de curtir e aproveitar a nostalgia dos tempos de atoisse, não é mesmo?
Aproveitando também que decidi deixar as resenhas literárias apenas no canal, vou tentar falar mais de outras mídias por aqui! (será que rola? rsrs)

Enfim, eu vou bastante ao cinema e esse mês já vi alguns grandes lançamentos. Vou começar pelo que eu estava mais curiosa e descrente: Terminator Genisys, aka Exterminador do futuro 5, rs.
O filme, apesar do ano bombástico que estamos vivendo, era um grande lançamento, mas devo confessar que não botei muita fé e fui jurando que seria uma grandiosa porcaria.



Para resumir rapidinho, nesse ~episódio estamos em 2029 e John Connor está por aí comandando a revolução humana contra a Skynet. Em uma manobra ~ousada ele tenta destruir geral os robô tudo, mas dá ruim e a Skyzinha consegue mandar um Terminator para o passado para tentar passar fogo na Sarah Daenerys Connor. Tentando impedir sua própria não existência John manda seu parça Kyle Reese para 1984 para proteger a mamis e deixar tudo bem. Mas é claro que as coisas não acontecem como esperado, né?


Me surpreendi, de verdade, achei que seria um filme muito tosco e daqueles que a gente só vai ver, por que, né? Mas no fim das contas eu gostei!
Obviamente não se compara aos filmes antigos. Não tem aquela pegada sci-fi, não tem cenas épicas e não tem toda aquela história elaborada e tals. É um filme de pura xaropagem, cenas ignorantes protagonizadas pelo mito Arnold e muita pancadaria. Uma pancadaria meio ruim, não vemos aquelas cenas de ação sensacionais coreografadas e tals, fica tudo filmado no primeiro plano, ali você e o cara com a arma e depois o outro cara com a outra arma, mas é divertido. Eu, particularmente fui para ver ignorância (tipo pé na porta), pancadaria e umas armas dahora e tive o que esperei.

Acho que essa é minha opinião final: é divertido, fim. Não é um filmão, não é comparável aos antigos, nada disso. É recauchutagem. O roteiro é cheio daqueles buracos e questões sem respostas sobre viagens no tempo, um robô que aprendeu emoções e várias outras zueiras, nem adianta querer apontar e discutir. O Jai Courtney que faz o papel de Kyle Reese é bem ruime deixa muito a desejar, mas gostei da Emilia Clarke, achei que ela seria mais badass, mas deu pro gasto. No final das contas todo mundo vai mesmo é para ver o Arnold Schwarzenegger e ouvir aquela musiquinha.  

Nessas de se aproveitar de uma franquia de sucesso, Jurassic World se deu melhor, rs. Mas é assunto para outro post!
Por fim, o que eu tenho a dizer é: compre uma pipoca e vá dar umas risadas e ver um cara mito mitando. Sem cobrança e sem expectativas de estar vendo algo maravilhoso, vá para se divertir, mesmo, por que cinema é isso, não é? 

#oultimojuro
🙂

Youtube – Facebook – Instagram – Pinterest – Skoob – Twitter – Tumblr – Goodreads –Bloglovin
Conheça meu conto!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s